REFÚGIO

comunicação, tecnologia e outros devaneios

O começo do fim

with 9 comments

...


Onze horas e cinqüenta minutos, do dia trinta e um de dezembro de dois mil e sete. Poucos minutos separavam os trezentos e sessenta e cinco dias passados aos dos próximos. Tirando alguns pontos isolados, com música e pessoas dançando, as ruas da cidade estavam vazias – era o que se via da laje de casa.

Onze horas e cinqüenta e cinco minutos, do dia trinta e um de dezembro de dois mil e sete. O céu noturno salpicado de estrelas abrigava todas aquelas centenas de constelações que, através de poucas nuvens, podiam admirar tranquilamente o espetáculo porvir aqui na terra.

Onze horas e cinqüenta e seis minutos, do dia trinta e um de dezembro de dois mil e sete. Nessas horas não adianta o ressentimento de ter comprado uma sidra ao invés de um champanhe verdadeiro para comemorar, como manda a tradição. Não faz mal, daqui a pouco o conteúdo da garrafa termina como todos os anos e bebidas: a goles de camelo e numa ressaca.

Onze horas e cinqüenta e nove minutos, do dia trinta e um de dezembro de dois mil e sete. Um minuto, que em algumas partes do mundo já passou e em outras ainda eram mais de dez. Os principais acontecimentos do ano são relembrados em questão de milésimos de segundos. Por que será que o tempo é tão relativo agora?

Onze horas, cinqüenta e nove minutos e cinqüenta e oito segundos, do dia trinta e um de dezembro de dois mil e sete. Um coro termina a contagem regressiva, enquanto os fogos começam a riscar o céu. Como no ápice de uma batalha contra os tortuosos dias, os estrondos afugentam os males e as luzes iluminam o novo caminho.

Meia-noite e quinze minutos, do dia primeiro de janeiro de dois mil e oito. Talvez seja a vertigem do tempo que corre sem perdão, mas tudo ainda está igual a vinte e cinco minutos atrás. O ano e a bebida acabaram. Melhor, um ano e uma dor de cabeça começaram. Maldita sidra!

Joel Minusculi
Que uma das promessas de ano novo foi nunca mais tomar sidra

Anúncios

Written by Joel Minusculi

dezembro 31, 2007 às 11:55 pm

Publicado em Crônica

Tagged with

9 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Se todas as promessas de virada de ano fossem cumpridas… 😛

    Desejo a todos os meus amigos virtuais e blogueiros um 2008 pleno de realizações, de promessas cumpridas, saúde, paz, amor, conquistas, prosperidade!

    FELIZ 2008!!! 😀

    Raquel

    janeiro 1, 2008 at 2:48 am

  2. hahahaha

    Faz parte!

    Feliz ano novo. E que em 2008 tenhamos mais posts geniais!

    Marina

    janeiro 2, 2008 at 4:56 am

  3. FELIZ 2008!! 🙂 FREE SIDRA NOW!! Sidra é bom, rapaz! Veja só a divertidíssima contagem regressiva que ela te ajudou a fazer. 😉

    wagnermoura

    janeiro 3, 2008 at 6:33 am

  4. Que vc tenha um ótimo 2008! Um ano regado a champagne, e melhor do que a sidra de reveillon!

    Andrea

    janeiro 3, 2008 at 11:44 pm

  5. Olá, gostaria de saber qual é a disponibilidade para uma parceria através da troca de links?

    http://www.caixapretta.blogspot.com

    Se aceitar a parceria basta adicionar nosso link e nos avisar que automaticamente adicionaremos o link do Pega No Meu Blog.
    Abraços.

    Guilherme Lautenschläger

    janeiro 4, 2008 at 8:15 pm

  6. Cara, a inspiração que você teve ao escrever este post foi 10! Deu a impressão que eu estava bebendo cidra contigo na laje na hora da virada, com a vantegem de não ter ficad de ressaca!… Nada mudou até agora desde a virada, para mim e para a maioria das pessoas, mas quem sabe na próxima vai ter champanhe, né?

    ronaldocgq

    janeiro 8, 2008 at 2:55 am

  7. Tá, já não tinhas prometido isso no ano passado?

    E tem um 2006 ali no meio. Normal a confusão entre a torca dos anos.
    😉

    Felipe

    janeiro 10, 2008 at 4:05 pm

  8. a versão 2008 do blog ficou demais!

    Marina

    janeiro 10, 2008 at 4:09 pm

  9. Olá!Aceita trocar link com http://www.pereiraaps.com
    Se positivo favor enviar e-mail para contato@pereiraaps.com

    Site do Pereira

    Obrigado

    Pereira

    Pereira

    fevereiro 10, 2008 at 11:08 am


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s